WhatsApp Twuitter

Quarta, 13 de setembro de 2017, 11h10

Personalidade voltada para o crime, diz delegado sobre irmãos Batista


O delegado da Polícia Federal Victor Hugo Rodrigues, da Operação Tendão de Aquiles, definiu os irmãos Joesley e Wesley Batista como ‘pessoas que têm a personalidade voltada para a prática reiterada de crimes’. O juiz João Batista Gonçalves, da 6ª Vara Criminal Federal de São Paulo, expediu ordens de prisão contra Wesley e Joesley.

Wesley foi preso em casa, em São Paulo. O empresário foi levado para a Superintendência da Polícia Federal, por volta das 7h40.

Joesley já está preso temporariamente por ordem do ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal, por suspeita de violação de sua delação premiada.

Na Tendão de Aquiles, os irmãos são investigados pelo uso indevido de informações privilegiadas em transações no mercado financeiro ocorridas entre abril e 17 maio de 2017, data de divulgação de informações relacionadas a acordo de colaboração premiada firmado por ambos os presos e a Procuradoria-Geral da República.

“Nós entendemos que é, sim, um caso de prisão preventiva dos dois irmãos, porque nós estamos diante de duas pessoas que são criminais confessos. Eles procuraram as autoridades e confessaram que corromperam centenas ou até talvez mais de mil servidores públicos e agentes politicos. Eles procuram as autoridades e se dizem arrependidos por esses crimes. Eles se comprometem a não mais praticar delitos e também ajudar na apuração dessea crimes. Agora, as investigações comprovam que de um lado eles, depois de fechar o acordo de colaboração, continuaram praticando crimes, de outro parece que há provas que não foram apresentadas no acordo de colaboração”, disse.

“Então, tudo indica e o inquerito confirmou que nos estamos diante de pessoas que têm a personalidade voltada para a prática reiterada de crimes. Pessoas que já foram objeto de seis operações da Polícia Federal simultâneas não pararam de delinquir certamente não vão parar de delinquir com a sétima operação. A prisão preventiva ainda que seja uma medida dura é a única que consegue fazer com que cessem finalmente de cometer crimes.”

 



// matérias relacionadas

Sexta, 22 de setembro de 2017

18:01 - Temer diz que derrubará 2ª denúncia e que a verdade triunfará

Quinta, 21 de setembro de 2017

13:48 - Joesley e Wesley são indiciados pela PF por manipulação de mercado

13:21 - PF identifica compra de Porsche a Eduardo Cunha pelo dono da Gol

12:38 - Moro dá 15 dias a Lula para provar que valores bloqueados são de Marisa

11:58 - Moro manda bloquear R$ 1,5 milhão de Vaccarezza

10:41 - STF deve concluir hoje julgamento sobre 2ª denúncia contra Temer

08:35 - Justiça Federal condena Sergio Cabral a 45 anos de prisão

Quarta, 20 de setembro de 2017

19:18 - Raquel Dodge defende envio da denúncia contra Temer à Câmara

13:15 - Joesley contratou empresa de delegado que atuou no caso Marcela Temer

12:52 - Entrega dos novos áudios de delatores foi uma 'casca de banana'


// leia também

Sexta, 22 de setembro de 2017

21:41 - Eduardo Carnelós assume defesa de Michel Temer

17:56 - Mesa Diretora da Câmara decide não fatiar denúncia, mas palavra final será da CCJ

17:07 - Liberdade de Joesley e Wesley nas mãos de Gilmar

16:57 - Eduardo Carnelós é o novo advogado de Temer

12:24 - Advogado Mariz deixa a defesa de Temer

09:15 - Temer tenta evitar rebelião na base após ataque de Maia

08:56 - Temer sanciona lei que cria TLP para BNDES sem vetos

Quinta, 21 de setembro de 2017

21:50 - STF retomará julgamento sobre ensino religioso em escolas públicas na 4ª feira

21:35 - Jungmann e Pezão prometem retorno de operações das Forças Armadas no Rio

21:17 - PF mapeia doações de empresas investigadas ao PMDB