WhatsApp Twuitter

Quarta, 13 de setembro de 2017, 15h30

POR UNANIMIDADE

Maioria do STF vota por manter Janot frente às investigações contra Temer


A maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) negou nesta quarta-feira pedido da defesa do presidente Michel Temer para impedir o procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, de atuar nas investigações contra Temer com base na delação premiada dos executivos do grupo J&F.

Acompanharam o ministro Luiz Edson Fachin, relator do pedido da defesa e que negou monocraticamente o pedido dos advogados do presidente, os ministros Alexandre de Moraes, Rosa Weber, Luiz Fux, Ricardo Lewandowski, Marco Aurélio Mello e Dias Toffoli.

Com isso, até agora sete dos 11 ministros do Supremo se posicionaram contra o recurso apresentado pela defesa de Temer. Até a publicação desta matéria, o ministro Gilmar Mendes não havia aparecido no plenário da Corte para participar da sessão, embora estivesse em seu gabinete no início da sessão, segundo apurou o Broadcast.

Em seu voto, Lewandowski afirou que Janot estava exercendo o "ônus constitucional" de sua competêcia ao denunciar o presidente da República. "Se eventualmente usou expressão um pouco mais digamos inusitada, essa expressão também foi enderessada a outros investigados", afirmou.

Wilson Dias / ABr

De acordo com o ministro, isso mostra que o presidente da República não foi o "alvo exclusivo" das ações de Janot.

 "Também outros partidos, outros políticos foram igualmente atingidos. Portanto, não há que se cogitar hipótese de suspeição". afirmou.



// matérias relacionadas

Quarta, 17 de janeiro de 2018

16:48 - Fux é criticado por 'inércia' contra Pedro Taques

Domingo, 14 de janeiro de 2018

18:00 - Decisões da Anvisa, STF e Congresso podem mudar regulamentação do fumo no país

08:24 - Para especialistas, 'novo' TSE será mais rigoroso

Sexta, 05 de janeiro de 2018

15:36 - Cármen Lúcia prorroga por 30 dias investigações sobre Dirceu, Jucá e Renan

Quarta, 03 de janeiro de 2018

18:00 - Cármen Lúcia dá andamento a inquéritos que correm no Supremo

Sábado, 30 de dezembro de 2017

08:26 - Governo recua e STF dará palavra final sobre indulto

Sexta, 29 de dezembro de 2017

15:27 - Governo não vai editar novo indulto de Natal até decisão do STF

Quarta, 20 de dezembro de 2017

07:38 - Ministro do Supremo Gilmar Mendes veta condução coercitiva 'para interrogatório'

Quinta, 14 de dezembro de 2017

14:35 - Liminares no Pará e SC suspendem demissões na Estácio

Terça, 12 de dezembro de 2017

11:34 - Presidente do STF define pauta de julgamentos do plenário da corte para fevereiro


// leia também

Quinta, 18 de janeiro de 2018

17:30 - Temer nega ter pedido a Loures que recebesse 'recurso de campanha'

16:00 - Procurador diz não ver razões para pedir prisão de Lula

15:15 - Julgamento de Lula será transmitido pelo Youtube

15:07 - Defesa de Temer entrega respostas a perguntas da PF sobre Decreto dos Portos

13:40 - Moro ordena transferência de Sérgio Cabral do Rio para o Paraná

11:25 - Capez deve trocar PSDB pelo PSB

11:24 - Presença oficial de Bosonaro em comissões caiu de 141 para 34 reuniões

11:21 - No recesso, auxiliares de Bolsonaro mantêm ativo marketing digital

11:21 - Legítimo se preocupar com potenciais adversários, diz Meirelles sobre Maia

11:15 - Após ser hostilizado por brasileiras, Gilmar Mendes recebe elogios em Lisboa