WhatsApp Twuitter

Quarta, 08 de março de 2017, 17h12

Empresa vai 'fiscalizar' folha de pagamento dos servidores de MT

Redação Seges/MT


O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Gestão (Seges), publicou o aviso de abertura de concorrência pública para contratação de empresa que fará consultoria e análise de conformidade na implementação de melhorias na estrutura, processos, políticas e sistemas relacionados à elaboração e consolidação da folha de pagamento dos servidores ativos e inativos do Estado. O aviso foi publicado no Diário Oficial que circula nesta quarta-feira (8).

A consultoria tem a finalidade de garantir a segurança e qualidade das informações dos sistemas Estadual de Administração de Pessoas (Seap) e Integrado de Gestão Educacional (Sigeduca) em termos de legalidade e confiabilidade, possibilitando a geração de economia aos cofres públicos.

O trabalho terá como objetivo avaliar e redesenhar processos de pagamentos de servidores, implantando melhores práticas a menores custos e o aperfeiçoamento do ambiente tecnológico do Seap. Dessa forma, pretende-se garantir a segurança no processamento da folha, principalmente em relação aos perfis de acesso, problemas comportamentais e sistêmicos dos bancos de dados quando da integração do Seap com o Sigeduca e com o Sistema Integrado de Planejamento, Contabilidade e Finanças (Fiplan).

No levantamento, também serão averiguadas se as nomeações, posses, férias, licenças, afastamentos, cessões, aposentadorias, promoções e progressões de carreira foram concedidos em conformidade com a legislação e se são suportados pela documentação adequada.

Além disso, serão atestados, em conformidade com aspectos legais e as diretrizes governamentais, a exatidão e concordância dos cálculos dos subsídios, vantagens e descontos na folha de pagamento. A execução deste trabalho não tem como foco a retirada de vantagens ou benefícios dos servidores, mas sim a busca na conformação legal dos pagamentos e otimização na execução de todas as rotinas de folha.

De acordo com o titular da Seges, Julio Modesto, após o levantamento, será apresentado um plano de melhorias para a estrutura, ambiente tecnológico, processos, controles e políticas, de modo a garantir a conformidade dos eventos funcionais e dos pagamentos na folha. “Iremos capacitar equipes da Seges, principalmente as setoriais de gestão de pessoas e de gestão da folha de pagamento, em processos de conformidade de folha, redesenhar os procedimentos, elaborar normas, desenvolver controles e propor melhorias no ambiente tecnológico para sanar as deficiências e não conformações identificadas e diminuir custos com a folha de pagamento, caso seja encontrada alguma irregularidade ”.

O cronograma para a realização da licitação já está em andamento e os serviços serão divididos em duas frentes, levantamento e análise de conformidade e implantação de um plano de melhorias com transferência da metodologia. Os envelopes contendo as propostas e os documentos de habilitação das empresas serão recebidos em sessão pública que ocorrerá no dia 26 de abril deste ano.

 



// matérias relacionadas

Domingo, 17 de setembro de 2017

14:00 - PEC do Teto corta suplementação de milhões de reais ao poderes

Quarta, 13 de setembro de 2017

12:11 - Déficit da previdência que pode chegar a R$ 3 bi preocupa Estado

09:06 - Deputados votam PEC do Teto de gastos até 18 de outubro

08:25 - Servidores terão salários pagos dentro do mês apenas em 2019

Terça, 12 de setembro de 2017

08:25 - 'Paralisia' de deputados preocupa e pode atrasar aprovação de PEC

Quarta, 16 de agosto de 2017

11:25 - Governo atrasa entrega da PEC do teto de gastos novamente

Terça, 15 de agosto de 2017

09:22 - Proposta do teto de gastos deve chegar na AL nesta terça

Quinta, 10 de agosto de 2017

12:20 - Taques entrega minuta da PEC do teto de gastos

Terça, 25 de julho de 2017

09:30 - Governo vai enviar PEC do Teto e reforma administrativa em agosto para AL

Quinta, 06 de julho de 2017

12:27 - Governo atrasa entrega da PEC do Teto de Gastos


// leia também

Quarta, 20 de setembro de 2017

10:30 - Presidente da AL exclui da Comissão de Ética deputados delatados por Silval

Terça, 19 de setembro de 2017

19:19 - Botelho aguarda ministro dizer se AL pode analisar prisão de Fabris

17:08 - Fórum Sindical pede afastamento de 10 deputados estaduais

16:30 - Sem pressa, Botelho descarta discutir prisão de Fabris nesta terça

15:59 - Prefeitura de VG prevê R$ 733 milhões para investimentos

Segunda, 18 de setembro de 2017

19:19 - MPE pode pedir o afastamento de prefeitos delatados por Silval, diz Turin

11:00 - Antônio Joaquim diz que Pedro Taques também deveria ter sido alvo da PF

10:22 - Deputados aguardam notificação do STF para discutir prisão de Fabris

09:18 - PSDB avalia punição contra tucanos delatados Silval Barbosa, diz Leitão

08:23 - Assembleia não altera cronograma da PEC do teto de gastos