WhatsApp Twuitter

Quinta, 06 de setembro de 2018, 17h34

TRE defere candidatura de Carlos Fávaro ao Senado

Da Assessoria


Divulgação/Assessoria

O Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso aprovou nesta quarta-feira (05) o registro de candidatura ao Senado da República de Carlos Fávaro (PSD) e de seus suplentes Geraldo de Souza Macedo (PSD) e José Lacerda Filho (MDB).

O relator do pedido foi o juiz eleitoral Luis Aparecido Bortolussi Júnior.Em sua decisão, o magistrado aponta que Fávaro preenche as condições de elegibilidade e não há notícia de que incida em alguma causa de inelegibilidade.

O juiz relata ainda, que o “Requerimento de Registro de Candidatura – RRC está instruído com todos os documentos exigidos pela legislação eleitoral, inexistindo qualquer pendência a ser sanada”.

Ex-vice-governador de Mato Grosso, Fávaro concorre ao Senado pela coligação Pra mudar Mato Grosso’, que tem o ex-prefeito de Cuiabá, Mauro Mendes como candidato ao governo.

Luis Aparecido Bortolussi também destaca que inexiste qualquer condenação criminal contra Carlos Fávaro. “Vislumbra-se, ainda, que o pretenso candidato está quite com a Justiça Eleitoral, que inexiste contra ele qualquer condenação criminal, bem como, possui domicílio eleitoral e filiação partidária condizentes com a legislação em vigor”.

O magistrado destacou que a documentação juntada aos autos está em perfeita sintonia com o disposto na Lei das Eleições e na Resolução, com o atendimento às condições de elegibilidade e em consonância com o parecer ministerial. "Defiro o pedido de registro de candidatura de Carlos Henrique Baqueta Fávaro, para concorrer ao cargo de Senador sob o número 555, com a seguinte opção de nome para urna: Fávaro. Por conseguinte, considerando a habilitação dos candidatos Geraldo De Souza Macedo ao cargo de 1.º suplente de Senador e José Esteves de Lacerda Filho ao cargo de 2.º suplente de Senador, defiro o registro da respectiva chapa”.



// matérias relacionadas

Domingo, 16 de setembro de 2018

08:33 - Wellington Fagundes deve R$ 1,2 milhão por campanha

Sábado, 15 de setembro de 2018

18:30 - Wellington Fagundes angaria mais apoios no Araguaia

16:20 - Jayme, Mauro e Fávaro assumem compromisso de resgatar perdas de Lei Kandir

15:45 - Carlos Fávaro afirma que cadeia produtiva deve ser priorizada

15:30 - MT tem muita potencialidade, mas está adormecido por incompetência, avalia Mauro

15:00 - Cuiabania ouve propostas do governador Pedro Taques

14:30 - Valtenir percorre 16 municípios do Araguaia a partir deste sábado

13:44 - Janaina Riva passa mal e suspende agenda em Juara

08:26 - Waldir Caldas quer mudança na forma de financiamento da educação

08:00 - Mendes promete recuperar nome da PM após escândalo dos grampos ilegais


// leia também

Domingo, 16 de setembro de 2018

09:56 - Pesquisas não influenciam na hora do voto, garantem eleitores

08:28 - Empresa alvo da Operação Catarata terá de oferecer pós-operatório

08:22 - Após um ano, só uma ação de Operação Malebolge foi proposta

Sexta, 14 de setembro de 2018

19:54 - TRE ignora impugnação de adversários e defere candidatura de Pedro Taques

18:55 - Taques intensifica campanha no Araguaia neste final de semana

17:53 - Wellington Fagundes defende a Universidade Federal do Araguaia

17:15 - TRE manda Youtube excluir vídeo que denigre imagem de Carlos Bezerra

15:39 - Fávaro chama Leitão de oportunista e afirma unidade no grupo

15:16 - MPE defende que Selma Arruda tenha apenas 7 segundos de propaganda na TV

13:05 - Conclusão do novo Pronto-Socorro é prioridade de Temer, afirma Carlos Marun