WhatsApp Twuitter

Sexta, 14 de setembro de 2018, 18h55

Taques intensifica campanha no Araguaia neste final de semana

Da assessoria


Divulgação/Assessoria

O final de semana será de agendas intensas na região do Araguaia para o governador Pedro Taques (PSDB). O candidato à reeleição pela coligação Segue em Frente Mato Grosso promoverá atos de campanha nas cidades de São Félix do Araguaia, Vila Rica, Porto Alegre do Norte, Confresa, Querência, Canarana e Água Boa. O tucano será recebido por lideranças locais que defendem as ações já desenvolvidas na região como as três edições do projeto Caravana da Transformação, realizadas em Porto Alegre do Norte, Canarana e Barra do Garças.

“Firmamos o compromisso de lutar para mudar o triste apelido da região: vale dos esquecidos. Foi por isso que fizemos investimentos na segurança pública, enviando novos policiais e equipamentos; na saúde, aumentando os repasses às prefeituras; e na educação, com a construção de novas escolas. Vamos ao Araguaia renovar nosso compromisso de trabalhar pela região”, disse Pedro Taques.

Em São Félix, Taques participa de reunião na residência da prefeita Janilza Taveira, às 13h. Depois, em Vila Rica, com reunião ao lado do Goianão Tecidos, às 15h. Na noite de sábado (15.09), estará em Porto Alegre do Norte, às 18h, em reunião ao lado da Drogaria Popular, na Rua da Feirinha. A última agenda do dia será em Confresa, onde participa de encontro na Rua Jardim Tropical.

Já no domingo (16.09) o candidato à reeleição estará em Água Boa, no Sindicato Rural, na Avenida Araguaia, no Centro da cidade, a partir das 10h. Depois, Taques segue para Canarana, na Avenida Porto Alegre, a partir do meio-dia. A agenda no Araguaia termina em Querência, às 14h30.

Novo Mandato - Para o novo mandato, Pedro Taques promete mais leitos de UTIs para a região, dar continuidade a construção da MT-100, também da MT-020 entre Canarana e Paranatinga. Taques também promete uma atenção especial do governo para a região que será beneficiada pela Ferrovia de Integração do Centro-Oeste (Fico) e será a nova fronteira agrícola de Mato Grosso, com o uso das áreas de baixa produtividade, Mato Grosso deve dobrar sua produção nos próximos anos, estimam os estudos.



// matérias relacionadas

Domingo, 16 de setembro de 2018

08:33 - Wellington Fagundes deve R$ 1,2 milhão por campanha

Sábado, 15 de setembro de 2018

18:30 - Wellington Fagundes angaria mais apoios no Araguaia

16:20 - Jayme, Mauro e Fávaro assumem compromisso de resgatar perdas de Lei Kandir

15:45 - Carlos Fávaro afirma que cadeia produtiva deve ser priorizada

15:30 - MT tem muita potencialidade, mas está adormecido por incompetência, avalia Mauro

15:00 - Cuiabania ouve propostas do governador Pedro Taques

14:30 - Valtenir percorre 16 municípios do Araguaia a partir deste sábado

13:44 - Janaina Riva passa mal e suspende agenda em Juara

08:26 - Waldir Caldas quer mudança na forma de financiamento da educação

08:00 - Mendes promete recuperar nome da PM após escândalo dos grampos ilegais


// leia também

Domingo, 16 de setembro de 2018

09:56 - Pesquisas não influenciam na hora do voto, garantem eleitores

08:28 - Empresa alvo da Operação Catarata terá de oferecer pós-operatório

08:22 - Após um ano, só uma ação de Operação Malebolge foi proposta

Sexta, 14 de setembro de 2018

19:54 - TRE ignora impugnação de adversários e defere candidatura de Pedro Taques

17:53 - Wellington Fagundes defende a Universidade Federal do Araguaia

17:15 - TRE manda Youtube excluir vídeo que denigre imagem de Carlos Bezerra

15:39 - Fávaro chama Leitão de oportunista e afirma unidade no grupo

15:16 - MPE defende que Selma Arruda tenha apenas 7 segundos de propaganda na TV

13:05 - Conclusão do novo Pronto-Socorro é prioridade de Temer, afirma Carlos Marun

13:00 - Confira a entrevista do candidato Waldir Caldas no Jornal do Meio Dia - veja vídeo