WhatsApp Twuitter

Segunda, 19 de junho de 2017, 15h26

Órgão da Fifa propõe jogo de futebol com 60 minutos


Em tempos de uso do árbitro de vídeo no futebol, a International Football Association Board (IFAB) lançou uma série de sugestões para alterar e incluir outras regras no regulamento. O órgão independente é formado pelas quatro associações do esporte no Reino Unido e pela Fifa. Com as mudanças, a ideia é tornar o jogo mais atraente e dinâmico.

A principal proposta é acabar com a famosa "cera", estabelecendo que as partidas terão obrigatoriamente 60 minutos de ação. O relógio seria parado cada vez que a bola saísse de campo, garantindo que os jogos estariam adequados ao tempo de bola rolando considerado ideal pela Fifa.

Outras novidades, como dar a chance ao jogador de cobrar uma falta ou escanteio para si mesmo e só permitir o encerramento do primeiro ou segundo tempo com a bola fora de jogo, ainda devem ser discutidas. Pênaltis sem rebotes também entram no debate. Nesse caso, uma cobrança defendida ou na trave configuraria automaticamente um tiro de meta.

Algumas sugestões já estão sendo testadas. Permitir que somente o capitão do time possa conversar com o árbitro e alterar as disputas de pênalti para o formato "ABBA" são inovações em teste na Copa das Confederações e em competições de base, respectivamente.

A IFAB se define como a guardiã independente das regras do futebol e é a única entidade autorizada a decidir sobre mudanças no regulamento. O objetivo desse pacote de mudanças é melhorar o comportamento e o respeito, aumentar o tempo de bola em jogo e desenvolver a atratividade do esporte.

Confira algumas outras propostas de alterações no regulamento

- Cartões amarelos e vermelhos para membros da comissão técnica.

- Relógios visíveis nos estádios, para todos acompanharem a contagem de tempo feita pelo árbitro.

- Possibilidade de validar um gol caso o mesmo seja impedido por um toque de mão em cima da linha.

- Mais rigidez com o tempo que o goleiro segura a bola - 6 segundos.

As alterações passarão por debate em reuniões antes de serem colocadas em prática ou testadas. 



// matérias relacionadas

Segunda, 15 de janeiro de 2018

11:46 - Fifa fará audiência sobre futuro de Del Nero nesta sexta-feira

Quarta, 03 de janeiro de 2018

14:52 - Advogados de Del Nero pedem à Fifa mais tempo para apresentação de defesa

09:40 - Defesa reforça culpa de José Maria Marin para livrar Marco Polo Del Nero na Fifa

Sexta, 29 de dezembro de 2017

09:29 - Com criação da Liga das Nações, Fifa põe fim a amistosos entre seleções europeias

Segunda, 18 de dezembro de 2017

09:18 - Julgamento de Marin nos EUA deve definir futuro de Del Nero

Sábado, 16 de dezembro de 2017

08:40 - Del Nero nega irregularidades e desafia 'qualquer pessoa' a apresentar provas

Sexta, 01 de dezembro de 2017

11:37 - Fifa vai anunciar decisão sobre Guerrero na próxima semana

Terça, 28 de novembro de 2017

14:40 - Fifa diz que não existe doping generalizado no futebol da Rússia

09:45 - Principal patrocinadora da seleção, Nike é acusada no Fifagate

Segunda, 27 de novembro de 2017

19:05 - Ex-dirigente colombiano admite propinas, mas não cita Marin em julgamento


// leia também

Quinta, 18 de janeiro de 2018

17:00 - Florida Cup atrapalhou preparação física do Corinthians, diz Cássio

16:53 - Presidente da Força Jovem do Vasco tem prisão preventiva revogada

15:44 - Reforços, Gilberto e Jadson admitem 'expectativa grande' do Flu para clássico

14:37 - Brasil começa ano da Copa da Rússia em 2º no ranking; Alemanha segue líder

14:15 - Cavalieri exibe mágoa com dirigentes do Fluminense por dispensa

11:26 - Ronaldinho detalhará despedida em março e diz que se despede do maior sonho

09:54 - Jon Jones passa por detector de mentiras por inocência em doping

09:44 - Neymar tem atuação brilhante, mas é vaiado na vitória do PSG por 8 x 0

Quarta, 17 de janeiro de 2018

18:30 - Juiz nega pedido de prisão domiciliar de Maluf

17:45 - Palmeiras terá Jailson como titular no gol em estreia no Paulista