WhatsApp Twuitter

Terça, 12 de setembro de 2017, 09h30

Momento de alerta

Coreia do Norte rejeita sanções e diz que EUA enfrentarão maior dor que já sentiram


A Coreia do Norte rejeitou nesta terça-feira, 12, uma resolução do Conselho de Segurança da ONU que impôs sanções mais rígidas a Pyongyang, e disse que os EUA enfrentarão em breve “a maior dor” que já sentiram.

“O regime de Washington, que disparou um confronto político, econômico e militar, está obcecado com o jogo selvagem de reverter o desenvolvimento de força nuclear pela Coreia do Norte, que já atingiu a fase de finalização”, disse o embaixador norte-coreano, Han Tae Song, à Conferência de Desarmamento promovida pela ONU, em Genebra.

O Conselho de Segurança impôs por unanimidade sanções contra a Coreia do Norte na segunda-feira em razão do sexto e mais poderoso teste nuclear do país, realizado no dia 3 de setembro, estabelecendo uma proibição às exportações de produtos têxteis do país e limitando as importações de petróleo.

“Minha esperança é que o regime ouvirá a mensagem em alto e bom som e escolherá um caminho diferente”, disse o embaixador de desarmamento dos EUA, Robert Woods, no fórum em Genebra.  



// matérias relacionadas

Sábado, 19 de maio de 2018

15:00 - Coreia do Norte exige retorno de 12 garçonetes que foram para o Sul em 2016

Quinta, 17 de maio de 2018

10:28 - Coreia do Sul tenta garantir cúpula de Trump e Kim, após ameaça de Pyongyang

Terça, 15 de maio de 2018

10:41 - Coreia do Sul e do Norte se reúnem amanhã para discutir compromissos de paz

Domingo, 13 de maio de 2018

12:30 - EUA terão de fornecer garantias de segurança a Kim Jong-un, diz secretário

Sábado, 12 de maio de 2018

16:30 - Coreia do Norte promete cerimônia para desmontar local de testes nucleares

Quinta, 10 de maio de 2018

11:14 - Minha reunião com líder da Coreia do Norte será em Cingapura em 12/06, diz Trump

Sexta, 04 de maio de 2018

15:10 - Coreia do Norte altera fuso horário para se adequar ao Sul

Domingo, 29 de abril de 2018

16:30 - Coreia do Norte sinaliza disposição para normalizar relação com Japão

Sexta, 27 de abril de 2018

09:02 - Trump diz que reunião das Coreias é histórica, mas só tempo mostrará o resultado

08:48 - Coreias do Norte e do Sul anunciam tratado de paz para encerrar guerra


// leia também

Domingo, 20 de maio de 2018

10:38 - Não foi encontrado qualquer sinal de conluio com Rússia na campanha, diz Trump

10:10 - Venezuela escolhe presidente em meio a crise e boicote da oposição

Sábado, 19 de maio de 2018

16:30 - Ministro de Saúde Pública confirma três novos casos de Ebola no Congo

14:00 - Não há brasileiros entre vítimas de avião em Cuba

13:30 - Países latino-americanos contestam Maduro e dizem ter recebido 1,5mi de migrantes

09:20 - Governo de Cuba decreta luto oficial por acidente aéreo em Havana

08:32 - Príncipe Harry e Meghan Markle estão oficialmente casados

Sexta, 18 de maio de 2018

19:30 - Anistia Internacional questiona imparcialidade da Polícia Civil no caso Marielle

18:00 - EUA aprovam primeiro medicamento desenvolvido para prevenir enxaquecas crônicas

17:22 - Sobreviventes do desastre aéreo são mulheres