WhatsApp Twuitter

Terça, 12 de setembro de 2017, 16h27

mundo

França autoriza reprodução assistida para todas as mulheres


O governo da França autorizará a reprodução assistida para todas as mulheres, incluindo homossexuais e solteiras, a partir do ano que vem, informou a secretária de Estado de Igualdade, Marlène Schiappa, em entrevista à "RMC" nesta terça-feira (12).

Reprodução

A medida deve entrar em vigor já no ano que vem

Atualmente, esse tipo de reprodução só é permitida para heterossexuais casadas.

"Abrir a reprodução assistida a todas as mulheres é uma questão de justiça", destacou Schiappa confirmando que o presidente Emmanuel Macron "manterá sua promessa" de campanha.

Depois de anos de reflexão, o CCNE (Comitê Nacional para as Questões Éticas) havia se manifestado a favor da medida, em junho deste ano, também para lésbicas e solteiras. Para o órgão, essa técnica não deve ser permitida apenas e exclusivamente para casais heterossexuais com problemas de fertilidade.

No ano que vem, o Parlamento francês debaterá a revisão da Lei sobre a Bioética, que incluirá diversas mudanças na legislação do país. 



// matérias relacionadas

Quinta, 16 de novembro de 2017

15:25 - França tem novo dia de protestos contra Macron e suas reformas econômicas

Quarta, 08 de novembro de 2017

16:29 - França vende à Argentina cinco aviões de combate Super Étendard usados

Quinta, 12 de outubro de 2017

17:15 - Macron negocia reforma trabalhista com sindicatos

Domingo, 24 de setembro de 2017

13:07 - Boca de urna aponta vitória de Merkel na Alemanha com 32%

13:00 - Macron corre risco de derrota em eleição para o Senado da França

Sexta, 22 de setembro de 2017

15:09 - Em meio a protestos na França, Macron aprova reforma trabalhista

Sexta, 15 de setembro de 2017

10:12 - Homem ataca soldado no metrô de Paris; polícia investiga caso como terrorismo

Quarta, 13 de setembro de 2017

14:59 - Homem esfaqueia ao menos 5 pessoas em Toulouse, na França

Terça, 12 de setembro de 2017

11:23 - França tem protesto contra mudança em leis trabalhistas defendida por Macron

Segunda, 21 de agosto de 2017

09:49 - Motorista avança contra pontos de ônibus e deixa um morto em Marselha


// leia também

Domingo, 19 de novembro de 2017

10:19 - Parlamento do Zimbábue pedirá impeachment de Mugabe, diz oposição

10:06 - Eleição: Chilenos escolhem novo presidente hoje

Sábado, 18 de novembro de 2017

18:02 - Barcos espanhóis resgatam mais de 650 imigrantes no litoral do país

15:00 - Terremoto de 4,9 graus sacode duas regiões do Norte do Chile

11:51 - Governo dos EUA é criticado por propor corte após gastos com emergências

10:16 - China envia alto representante para Coreia do Norte em meio a abalos nas relações

09:48 - Conferência do clima deixa muito para 2018

Sexta, 17 de novembro de 2017

20:50 - Submarino argentino com 44 tripulantes está desaparecido no Atlântico Sul

12:32 - MP português abre inquérito para apurar morte de brasileira pela polícia

11:57 - Tropas retomam última cidade do Iraque mantida pelo Estado Islâmico