WhatsApp Twuitter

Segunda, 25 de junho de 2018, 17h21

morte do verdureiro

Sindicato denuncia perito que assina laudo paralelo e cobra investigação

Redação do GD


Chico Ferreira

Sindicato dos Peritos Criminais de Mato Grosso (Sindpeco) vai pedir junto a Controladoria-Geral do Estado (CGE) e a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) que seja investigada a atuação de um perito criminal, servidor de carreira da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), que também atua como responsável técnico da empresa Forense Lab.

Conforme o sindicato, ele está afastado para licença qualificação e recebe, segundo o Portal da Transparência, salário bruto de R$ 23 mil apenas para estudar, como estabelece o Estatuto do Servidor. O pano de fundo para a denúncia envolve as investigações sobre o atropelamento e morte do verdureiro Francisco Lúcio Maia e os laudos sobre a velocidade do veículo onde estava um casal de médicos no dia do atropelamento, em 14 de abril deste ano.

Chico Ferreira

Antônio Magalhães, presidente do Sindpeco

O 1º laudo divulgado pela Politec estimou uma velocidade de 30 km/h para o Jeep e foi foi alvo de críticas, contestações e descartado pelo delegado Christian Cabral, responsável pelas investigações. Ele encomentou um laudo da empresa privada que então estimou uma velocidade aproximada de 95 Km/h. O Sindpeco então reagiu e acusou o laboratório particular de plagiar um laudo. Agora descobriu que o responsável pela empresa é um perito concursado que está afastado das funções e recebendo para estudar, mas ao mesmo tempo atua na empresa privada.

Os representantes do Sindpeco se reúnem nesta terça-feira (26) com o secretário de Estado de Segurança Pública, Gustavo Garcia, às 11 h, na Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp).

“O artigo 24 da lei 9.342 de 20 de abril de 2010 proíbe ao perito atuar como assistente técnico em processos criminais ou emitir laudos, pareceres ou peças similares para particulares. Além disso ele está afastado da função em licença de qualificação profissional, então queremos que o Estado esclareça se essa atuação está ou não em acordo com a legislação”, diz o presidente do Sindpeco, Antônio Magalhães.

Leia também - Sindicato dos peritos defende laudos de acidente que matou verdureiro e detona delegado

Divulgação

Médica Leticia Bortolini e o Jeep danificado após o atropelamento do verdureiro

Sobre o atropelamento, Magalhães disse que o primeiro laudo da Politec foi inconclusivo em relação a velocidade do Jeep Compass dirigido pela médica Letícia Bortolini que matou o verdureiro Francisco Lucio Maia, na Avenida Miguel Sutil. O laudo apontou que no trajeto do veículo a velocidade mínima do veículo foi de 30km/h e não chegou a conclusão em relação da velocidade no momento do impacto.

A pedido do titular da Deletran (Delegacia de Trânsito), peritos da Politec analisam gravações entregues pela autoridade policial para chegar a um laudo sobre o acidente. Ainda não há prazo para o término dos trabalhos.

Em um primeiro laudo, a empresa Forense Lab utilizou quase na íntegra um laudo da Politec feito em 2014 de um acidente de trânsito em Sapezal, o que configuraria plágio. O Sindpeco, inclusive, já entregou documentos ao Ministério Público sobre isso.

Também será entregue às autoridades uma denúncia anônima recebida pelo Sindpeco, com cópias de um processo da UFMT onde o perito teria cometido plágio de um artigo da Universidade de São Paulo (USP) ao apresentar artigo em uma disciplina durante o mestrado. (Com assessoria)



// matérias relacionadas

Terça, 11 de setembro de 2018

16:24 - Médica Letícia Bortolini é denunciada por 4 crimes pela morte de verdureiro

Sexta, 03 de agosto de 2018

10:56 - Médica que atropelou verdureiro é indiciada por homicídio doloso e embriaguez

Sexta, 15 de junho de 2018

15:20 - Empresa emite 2º laudo que aponta Jeep a 118 km/h durante acidente

10:15 - Reconstituição de acidente utiliza áudio e vídeo para medir velocidade de Jeep - veja vídeo

Terça, 12 de junho de 2018

12:05 - Delegado Christian Cabral registra BO contra perito da Politec após coletiva

Segunda, 11 de junho de 2018

18:36 - Peritos acusam delegado de usar parecer plagiado em inquérito de atropelamento

Sexta, 08 de junho de 2018

19:16 - Laudo paralelo aponta que veículo conduzido por médica estava acima de 95 km/h

16:30 - Sindicato dos peritos defende laudos de acidente que matou verdureiro e detona delegado

Quarta, 06 de junho de 2018

11:02 - Laudo da Politec aponta que Jeep que matou verdureiro estava a 30 km/h

Terça, 05 de junho de 2018

17:02 - TJ revoga cautelares e autoriza médica que atropelou verdureiro a viajar para SP


// leia também

Domingo, 16 de setembro de 2018

09:47 - Benefícios são negados com frequência em MT

09:04 - Morre aos 113 anos líder quilombola Antônio Mulato

08:17 - Colisão entre carro e carreta deixa três mortos na BR-163

Sábado, 15 de setembro de 2018

14:02 - Após descobrir que não é mãe biológica do filho, mulher faz post no Facebook

13:05 - Hospital de Rondonópolis é interditado após infiltração e novo alagamento - veja vídeo

10:25 - Motociclista tem a perna dilacerada em acidente envolvendo ônibus

Sexta, 14 de setembro de 2018

19:58 - MPE e Cuiabá fazem acordo para impedir construção de condomínio

18:14 - Emanuel Pinheiro promete entregar novo Pronto-Socorro em dezembro

13:30 - Mãe procura por filha desaparecida há 7 dias em Colniza

09:54 - Ex-prefeito não resiste a Acidente Vascular Cerebral e morre em Cuiabá